O que é a Cloud

Afinal, o que é a Cloud?

O termo cloud está na moda e tem sido um dos mais procurados do universo do alojamento web. Porquê? A verdade é que a curiosidade aumentou nos últimos anos com o aparecimento de alguns serviços de armazenamento de dados, como a DropBox por exemplo, e o aumento da procura deste tipo de serviços por parte das empresas. Desde então, a palavra cloud tem surgido em todos os meios de comunicação, embora poucos saibam realmente no que consiste.

Afinal, o que é a cloud? Neste artigo procuramos responder a esta pergunta. Partimos numa viagem pelo tempo e pela história do termo, fazemos paragem para lhe explicar em que consiste e, por fim, damos-lhe uma visão geral das suas potencialidades, procurando explicar a razão por detrás do seu sucesso.

O que significa cloud computing?

Antes disso, importa esclarecer porquê “cloud” ou, em português, porquê “nuvem”? A palavra funciona na verdade como uma metáfora para uma nova forma de ligar computadores e servidores, utilizando como principal ferramenta a Internet.

A principal diferença é que em vez dos seus dados estarem armazenados num servidor físico, localizado num qualquer local específico, estão em vários pontos ligados entre si, de acordo com o princípio computacional de grid computing.

De forma simples, o grid computing ou computação em grade é um modelo onde várias máquinas partilham os mesmos dados, dividindo as tarefas entre si para que possam obter um desempenho mais eficaz.

A grande vantagem do cloud computing está na acessibilidade: basta um computador com ligação à Internet para que qualquer um possa aceder à informação pretendida. Existem inclusive algumas empresas que prestam já serviços cloud gratuitos até um determinado espaço limite. Um exemplo prático é o iCloud, ferramenta da Apple que permite armazenar a informação dos utilizadores dos seus produtos e que foi atacada há algum tempo, permitindo o leak de fotografias de famosos pela internet.

Embora o facto de ter sido hackeado faça com que surjam várias questões no que diz respeito à segurança deste tipo de sistemas, a verdade é que existem várias vantagens que fazem com que deva utilizar esta forma avançada de ligação entre computadores que não serve apenas para armazenar dados, como também para alojar sites. Clique aqui e conheça todas as vantagens do cloud computing.

História do Cloud Computing

A corrida pela tecnologia já começou e hoje são já muitas as gigantes da Internet que procuram expandir os seus negócios e chegar a um maior número de pessoas através dos serviços cloud.

Se até à data a tecnologia era apenas utilizada em empresas, universidades e laboratórios, hoje as potencialidades do cloud chegaram à casa das pessoas e são muitos aqueles que preferem utilizar a sua cloud em vez de ocupar espaço na memória dos seus computadores pessoais.

Ainda que o termo só tenha começado a ficar mais conhecido nos últimos tempos, a verdade é que o conceito de cloud já existe há várias décadas. Embora não se saiba como surgiu, sabe-se que em 1950 já que se falava de cloud computing.

Nessa altura, o objetivo era permitir que os dados pudessem ser acedidos através de qualquer computador, assim como possibilitar que várias pessoas pudessem usar o mesmo computador sem entraves relativos aquilo que nele estava armazenado. Por não permitirem essa funcionalidade, as máquinas eram chamadas de “dumb terminals”, algo como, “computadores estúpidos”.

Trabalhando nesta área, grandes marcas como a IBM e a DEC conseguiram conquistar as empresas. Nos anos 70, surgiram serviços que ficaram populares como Remote Job Entry, um procedimento muito utilizado em locais de trabalho para partilha de dados.

Por volta de 1990, empresas de telecomunicações começaram a investir na criação de Virtual Private Networks que aliavam qualidade e preço. Desta forma, o cloud computing começou a ser utilizado para partilha de servidores, em primeiro lugar, das grandes  infraestruturas.

Na viragem do século começaram a surgir os maiores investimentos em pesquisas nestas áreas. Desde 2010 que o Cloud tem vindo a fomentar a sua posição no mercado. Actualmente, existem vários modelos, serviços e softwares que trabalham com esta nuvem da Internet.

Se quer alojar um site utilizando estes serviços, consulte o website da Dominios.pt e conheça o melhor plano para si e para a sua empresa.